Aumenta o número de profissionais que não querem ser chefes

Aumenta o número de profissionais que não querem ser chefes Não quero ser gestor. No início de 2015, a vice-presidente de recursos humanos da Avon, Alessandra Ginante, levou um susto

Share